Dados do Acervo - Dissertações

Número de Chamada   
 
CETD    UFSC    PPSI    0045   
Autor Principal Lemos, Jadir Camargo
Demais autores Ferreira, Marcos Ribeiro , orientador
Cruz, Roberto Moraes, co-orientador
Autor(es) Entidade(s) Universidade Federal de Santa Catarina. Centro de Filosofia e Ciências Humanas
Título Principal Avaliação da carga psíquica nos distúrbios osteomusculares relacionados ao trabalho (DORT) em trabalhadores de enfermagem [dissertação] / Jadir Camargo Lemos ; orientador, Marcos Ribeiro Ferreira, co-orientador, Roberto Moraes Cruz. -
Publicação Florianópolis : 2001.
Descrição Física xii, [99] f. : tabs. ; 30 cm
Notas Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Filosofia e Ciências Humanas. Programa de Pós-Graduação em Psicologia.
Bibliografia : f. 83-86.
Notas de Resumo Este estudo teve como objetivo avaliar a carga psíquica no trabalho presente nos quadros de DORT diagnosticados entre os trabalhadores de enfermagem do Hospital Universitário de Santa Maria - HUSM - UFSM. A população (n = 81) foi composta de forma intencional através de um estudo retrospectivo das fichas de saúde dos trabalhadores, no arquivo da Junta Médica da Universidade Federal de Santa Maria - UFSM, sendo selecionados os trabalhadores que, através de Licença para tratamento de saúde - LTS -,foram afastados do trabalho no período de janeiro/1998 até abril/2000, com diagnóstico de DORT. Os dados foram coletados através de instrumentos elaborados pelo pesquisador (uma anamnese clínico-ocupacional e uma escala de avaliação da carga psíquica). Foi utilizado o pacote estatístico SPSS para organização e tratamento das informações colhidas. Os resultados apontam que, em relação às variáveis clínicas, temos 85% da população referindo, pelo menos, um episódio de dor nos últimos seis meses e a intensidade da dor variando entre dor leve e dor insuportável, com registro de 31 casos de dor forte na população estudada. Observou-se, também, que a dor provoca alterações dos estados emocionais dos portadores de DORT. Com relação à escala de avaliação da carga psíquica, foi possível identificar a presença dessas cargas através das respostas dos questionários auto-aplicados bem como das falas dos trabalhadores, no momento da entrevista. A percepção dessas cargas é referida por trabalhadores de todas as categorias funcionais e de todas as idades, descartando, para essa população, a idéia de existência de fatores pré-disponentes para a incidência do fenômeno. Portanto, tendo em vista os resultados obtidos com a escala de avaliação da carga psíquica, acreditamos ser este um instrumento viável à investigação da carga psíquica do trabalho.
Numero de Controle local 180536
Número controle Bibliodata (BIBLIODATA) SC000568326
Assuntos Psicologia
Enfermeiros
Trabalho - Aspectos psicologicos
Doenças profissionais - Enfermagem
Enfermeiros - Saude