Dados do Acervo - Dissertações

Número de Chamada   
 
CETD    UFSC    PPSI    0107   
Autor Principal Sombrio, Katia Nerbass
Demais autores Soares, Dulce Helena Penna, 1957- , orientadora
Autor(es) Entidade(s) Universidade Federal de Santa Catarina . Programa de Pós-Graduação em Psicologia .
Título Principal Ser professora - o sentido de uma escolha [dissertação] : um estudo sobre âncoras de carreira / Katia Nerbass Sombrio ; orientadora, Dulce Helena Penna Soares. -
Publicação Florianópolis, 2003.
Descrição Física 130 f. : il., tabs. ; 30 cm
Notas Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Filosofia e Ciências Humanas. Programa de Pós-Graduação em Psicologia.
Bibliografia: f. 116-19.
Acesso Eletrônico http://www.tede.ufsc.br/teses/PPSI0107.pdf
Notas de Resumo O objetivo principal deste trabalho dissertativo é compreender os papéis orientadores do trabalho docente, analisando-se os motivos e valores subjacentes da escolha profissional das professoras das séries iniciais do Ensino Fundamental. Para a realização desta pesquisa buscou-se o Grupo "Ensinar e Aprender Matemática: transpondo desafios", coordenado pelo Mestrado de Educação da Universidade do Vale do Itajaí (UNIVALI)-Itajaí-SC. constituído por 11 (onze) professoras, com experiência profissional, em processo de educação continuada. Ao caracterizar os "sujeitos de pesquisa," professoras municipais das séries iniciais do Ensino Fundamental, todas do sexo feminino, confirmou-se os últimos dados estatísticos da CNTE, direcionando inicialmente a pesquisa para a questão de gênero.A Teoria do Desenvolvimental ou Evolutiva da Escolha Profissional é destacada por apresentar a "escolha profissional" como um processo seqüencial, contínuo, acompanhando todas as etapas da vida do ser humano. As Teorias Desenvolvimentais priorizadas na pesquisa foram a de Donald Super, com os Determinantes dos Padrões de Carreira e os Estágios de Vida e Subestágios; e a de Edgar Schein, com a Teoria das Fases da Carreira e as Âncoras de Carreira. O método utilizado foi o qualitativo, representado pela análise temática de conteúdo, de Bardin (1977), e pela estratégia de análise qualitativa de conteúdo por emparelhamento, de Laville e Dionne (1999), que se complementam ao associarem os instrumentos utilizados "Inventário de Orientação de Carreira", "dados biográficos" e "entrevista semi-estruturada" ao modelo teórico. Ao analisar os resultados observou-se a importância dos motivos de ordem familiar. As âncoras de carreira primárias predominantes foram: Vontade de servir/Dedicação a uma causa e Segurança/Estabilidade. Quanto às âncoras de carreira secundárias destacaram-se: Estilo de Vida e Segurança/Estabilidade.
Numero de Controle local 199571
Número controle Bibliodata SC000716708
Assuntos Psicologia
Profissões
Professores de ensino de primeiro grau
Escolha (Psicologia)