Dados do Acervo - Dissertações

Número de Chamada   
 
CETD    UFSC    PPSI    0146   
Autor Principal Rodrigues, Adriana Poci Palumbo
Demais autores Lago, Mara Coelho de Souza, orientadora
Autor(es) Entidade(s) Universidade Federal de Santa Catarina . Programa de Pós-Graduação em Psicologia .
Título Principal Fazendo ponto [dissertação] : trajetórias de adolescentes em situação de exploração sexual em Lajes - SC / Adriana Poci Palumbo Rodrigues ; orientadora, Mara Coelho de Souza Lago. -
Publicação Florianópolis, 2004.
Descrição Física 1 v. : il. ; 30 cm
Notas Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Filosofia e Ciências Humanas. Programa de Pós-graduação em Psicologia.
Inclui bibliografia
Acesso Eletrônico http://www.tede.ufsc.br/teses/PPSI0146.pdf
Notas de Resumo Esta dissertação tem como objetivo principal revelar as trajetórias de adolescentes que vivenciam práticas de exploração sexual na cidade de Lages, Santa Catarina. Faço algumas reflexões teóricas sobre o conceito de violência e exploração sexual-infanto juvenil, prostituição de crianças e adolescentes e a doutrina da proteção integral à infância prescrita no Estatuto da Criança e do Adolescente. Além disso, reflito sobre a questão do sujeito, baseada na psicologia histórico-cultural, fundada em Vygotski; sobre a questão do gênero; a adolescência como categoria de análise; a infância e a adolescência na perspectiva de gênero. Como procedimentos de coleta das informações, foram realizadas entrevistas abertas e gravadas. Seguindo os pressupostos da pesquisa etnográfica, entrevistei 13 adolescentes, 12 meninas e um menino. O trabalho de campo foi realizado a partir do Programa Sentinela de Lages, voltado especificamente para o atendimento de crianças e adolescentes em situação de exploração sexual. Além de tentar estabelecer uma relação dialógica com @s informantes no Programa Sentinela, procurei observar os principais locais de trabalho e lazer dest@s adolescentes, conversando com el@s na rua onde "fazem ponto" e visitando-@s em seus domicílios.Apresentei as trajetórias de cada adolescente e analisei as entrevistas individualmente, numa discussão com os autores que fundamentaram minhas reflexões iniciais, ou que fui buscando no desenrolar da pesquisa. Os contextos sócio-familiares dest@s adolescentes, a violência de gênero, a maternidade, e o significado da exploração sexual infanto-juvenil compõem as categorias de análise destas entrevistas.A análise dos significados que os sujeitos deram às suas trajetórias e práticas, levou-me a refletir sobre as situações de extrema pobreza e vulnerabilidade vividas pelas populações e famílias marginalizadas, nas periferias das cidades.
Numero de Controle local 210409
Número controle Bibliodata SC000792242
Assuntos Psicologia
Prostituicao juvenil - Lages (SC)